Programa Aveiro Digital www.aveiro-digital.pt 
Linha separadora
      O Programa Aveiro Digital 2003 - 2006 é co-finaciado pelo FEDER e pelo FSE através do Programa Operacional Sociedade da Informação
Linha separadora
Separador
Indicador de item de menu Apresentação
Separador
Indicador de item de menu Projectos  
Separador
Indicador de item de menu Serviços
Separador
Indicador de item de menu Documentação
Separador
Indicador de item de menu Outros Destinos
Separador
Indicador de item de menu Contactos
Separador

Um globo inclinado, com uma grelha sobreposta. Na sua superfície está recortado um buraco de fechadura

Atalhos de acesso ao menú: ALT + Letra sublinhada

English Version     Versão Portuguesa


Visitantes: 3622635

 

[ Inicio ]
Icon Apresentação  Apresentação :: Áreas de Intervenção :: 4 - Universidade e Comunidade Universitária :
 

A comunidade universitária assume uma grande importância na região de Aveiro, não só pela sua dimensão, mas também pelo acréscimo de capital humano que traz à região. Esta comunidade engloba os funcionários docentes e não docentes, alunos e ex-alunos da Universidade de Aveiro, das Escolas Superiores de Tecnologia e Gestão de Águeda, a Escola Superior de Saúde e Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Aveiro, bem como outras entidades que gravitam em torno desta importante instituição nacional de ensino superior.

A consolidação do processo da Universidade Digital que se estende às várias Escolas Superiores, tem sido uma das prioridades da Universidade de Aveiro (UA), sendo assumido que uma das suas componentes centrais é a melhoria e a qualificação dos processos de ligação científica e cultural à sociedade, bem como a contribuição para a competitividade dos tecidos produtivos.

Dada a elevada qualificação dos recursos académicos é esperada uma articulação estreita com as entidades públicas e privadas envolvidas em iniciativas das restantes Áreas de Intervenção.

Considerando a dimensão da comunidade universitária, é grande o impacto directo e indirecto que os serviços e sistemas informáticos da Universidade de Aveiro têm na comunidade e é sob esta óptica que se identificam como fundamentais, os seguintes projectos, indicadores e objectivos anuais:


P 4.1 Sistemas para a Gestão de Aquisição de Bens e Serviços

Instalar sistemas de gestão e controlo de aquisição de bens e serviços, garantindo a segurança nas transacções electrónicas e a integração com os sistemas de gestão contabilística e financeira existentes. Deverão contemplar-se os sistemas de pagamento e recebimento por meios electrónicos na totalidade das transações financeiras realizadas pela UA, bem como sistemas de acesso à situação de processamento administrativo. Dada a dimensão da comunidade académica, é de prever uma forte indução deste tipo de sistemas serviços e know-how no tecido sócio-económico envolvente.

P 4.2 Teletrabalho

Instalar serviços de acesso remoto à Intranet da UA, dos alunos, docentes e funcionários garantindo a autenticação, certificação e segurança no acesso aos serviços.

Perspectiva-se a utilização de trabalho colaborativo, a execução de serviço administrativo, o acesso aos serviços sociais e associativos e ainda o ensino e formação à distância. Contempla-se ainda a continuada digitalização dos curricula de cursos de graduação e de pós-graduação.

A topologia multipolar e geograficamente dispersa da Universidade de Aveiro indica que a interacção necessária entre docentes e alunos pode exigir um consumo significativo de tempo, energia e recursos, a menos que se encontrem formas alternativas de colaboração. Tal pode significar uma oportunidade única de aplicação de paradigmas baseados em teletrabalho.

P 4.3 Contact-Ciência

Criar um balcão on-line único para contacto da universidade com a comunidade, agindo este como um ambiente de estímulo ao conhecimento da Universidade de Aveiro e das suas actividades científicas em particular, bem como do ensino superior e suas múltiplas vertentes em geral

Perspectiva-se a criação de uma bolsa de oportunidades, bem como de conteúdos digitais específicos que proporcionem às famílias e à comunidade juvenil, dentro e fora dos sistemas de ensino, experiências de acompanhamento e contacto com a actividade científica realizada no terreno ou em laboratórios da UA.

Perspectiva-se ainda a criação, desenvolvimento e operação de serviços de informação e de atendimento único para pedidos de apoio e colaboração, estudos e serviços por parte de instituições de natureza diversa.

Surge também como objectivo neste projecto, a criação e disponibilização de catálogos de ciência e tecnologia, bem como de bases de dados e sistemas inteligentes que sistematizem e organizem informação e conhecimento relativo às competências científicas mais importantes da UA, numa lógica de contribuição para o fortalecimento da competitividade económica e da inovação.

P 4.4 Biblioteca Digital da UA

Facilitar à comunidade o acesso aos índices, títulos e partes de obras em formato digital existentes na biblioteca da UA. Perspectiva-se a gestão remota das requisições de obras com base em processos de autenticação e certificação dos utilizadores, garantindo, paralelamente, a segurança dos serviços.

O reforço da digitalização das obras, a articulação digital da biblioteca da UA com a rede de bibliotecas públicas e a conjugação com os serviços referidos são condições fundamentais para potenciar a utilidade, a racionalização dos recursos e mais valias para os seus diferentes tipos de utilizadores.

P 4.5 ArteDigital

Instalar sistemas e plataformas de processamento de imagem e som para a exploração de novas técnicas de criação artística com base na exploração de algoritmos e técnicas de modelização matemática, das formas biológicas e dos materiais inorgânicos.

Perspectiva-se a articulação com as escolas do 2º e 3º ciclo e outras, em projectos de experimentação e divulgação das ciências e das tecnologias em conjugação com outros agentes culturais a operar a Academia Artes Digitais e também com o serviço itinerante CiênciArte. Perspectiva-se ainda a participação regular na Galeria Digital em articulação com a realização de espectáculos e exposições para o grande público.

P 4.6 Produção Multimédia para a Formação Profissional e Educação

Criar e disponibilizar em rede conteúdos científicos multimédia de elevada qualidade e rigor nas diferentes áreas científicas da Universidade dos quais se destacam os conteúdos na área da física, da química, da biologia, do ambiente, da matemática, da electrónica e da gestão.

Estes conteúdos destinam-se a ser aplicados em vários contextos, nomeadamente, enquanto materiais de apoio pedagógico para os 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e secundário. Perspectiva-se ainda a produção e organização destes materiais multimédia, para suprir as necessidades pedagógicas de outros níveis de ensino e de formação profissional.

IO. 4- Indicadores e Objectivos Anuais

Indicadores
Ano 2
Ano 3
Ano 4
Processos de gestão da aquisição de bens e serviços - 50% 100%
Procedimentos de pagamentos electrónicos seguros - 20% 50%
Docentes com acesso a computadores pessoais; acesso à Internet e utilização regular dos serviços básicos 50% 80% 100%
Funcionários com computadores pessoais; acesso à Internet e utilização regular dos serviços básicos 10% 20% 30%
Alunos com acesso a computadores pessoais; acesso à Internet e utilização regular dos serviços básicos 20% 50% 80%
Docentes com certificação em competências básicas nas TIC 50% 80% 100%
Funcionários com certificação em competências básicas nas TIC 10% 20% 30%
Alunos com certificação em competências básicas nas TIC 50% 80% 100%
Docentes e investigadores com utilização regular de Teletrabalho 5% 15% 25%
Alunos em teletrabalho regular 5% 10% 15%
Contact-Ciência - 100% -
Acesso seguro aos índices, títulos e partes das obras em formato digital da Biblioteca da UA - 30% 80%
Nº de Títulos dos conteúdos pedagógicos para o Ensino Básico e Secundário 2 6 12
Acções de formação profissional à distância construídas com recurso à produção multimédia para a educação - 10 30