Programa Aveiro Digital www.aveiro-digital.pt 
Linha separadora
      O Programa Aveiro Digital 2003 - 2006 é co-finaciado pelo FEDER e pelo FSE através do Programa Operacional Sociedade da Informação
Linha separadora
Separador
Indicador de item de menu Apresentação
Separador
Indicador de item de menu Projectos  
Separador
Indicador de item de menu Serviços
Separador
Indicador de item de menu Documentação
Separador
Indicador de item de menu Outros Destinos
Separador
Indicador de item de menu Contactos
Separador

Um globo inclinado, com uma grelha sobreposta. Na sua superfície está recortado um buraco de fechadura

Atalhos de acesso ao menú: ALT + Letra sublinhada

English Version     Versão Portuguesa


Visitantes: 3622394

 

[ Inicio ]
Icon Noticias  Noticias :
 
Notícia com data de 26-09-2000 --- Semana da Solidariedade debate papel da tecnologia

Teve início na tarde de ontem a Semana da Solidariedade Social. Esta iniciativa, da responsabilidade da Área de Intervenção 6 e integrada no projecto «Aveiro-Cidade Digital», irá decorrer até sexta-feira A Área de Intervenção 6 deu início ontem à Semana da Solidariedade Social. Até sexta-feira este grupo de trabalho, agregado ao programa «Aveiro-Cidade Digital», irá desenvolver uma série de fóruns de discussão, que terão como tema o papel das novas tecnologias da informação e comunicação na elaboração de uma sociedade sem barreiras e desajustamentos sociais. Lusitana Fonseca, coordenadora do programa «Aveiro-Cidade Digital», abriu esta Semana da Solidariedade, explicando aos presentes alguns dos objectivos do projecto. Introduzir as tecnologias da informação e comunicação nas instituições de solidariedade social, promover a produção de conteúdos multimédia e criar centros de apoio remoto para cidadãos com necessidades especiais e promover a integração na sociedade desses mesmos cidadãos são os objectivos do «Aveiro-Cidade Digital», uma vez que «a solidariedade social é uma área de intervenção essencial para a construção da cidade digital», conforme afirmou Lusitana Fonseca no simpósio de apresentação temática de quatro projectos de intervenção na área das novas tecnologias. «RESEA», «Net Alimentar», «IST» e «MEU» são quatro dos 38 projectos que se encontram em execução no âmbito do «Aveiro-Cidade Digital» e que se pretende que sejam úteis à população. O projecto «RESEA-Rede de Serviços da APPACDM» foi apresentado por Carlos Ventura, da APPACDM de Aveiro. Este projecto, desenvolvido em parceria com a PT Inovação e a Universidade de Aveiro, tem como metas dotar a escola com as tecnologias da informação, permitindo uma melhor ligação com o mundo exterior, promover a formação de professores e técnicos da APPACDM, criar uma rede que dê resposta eficaz em situações de emergência, familiarizar os alunos da Associação com conteúdos programáticos ligados às novas tecnologias, criação de um «site» sobre a instituição e criação de um catálogo de peças de artesanato e cerâmica para venda na comunidade digital. Reconhecendo a existência de algumas dificuldades na sua concepção, Carlos Ventura considerou «positivo» o desenvolvimento de sinergias entre algumas instituições, antevendo uma próspera parceria no futuro. Construir uma sociedade de informação inclusiva é o desafio que se coloca à sociedade portuguesa. Integração de deficientes motores Nelson Rocha, da Universidade de Aveiro, apresentou o «IST-Integração Social por Teletrabalho», um projecto desenvolvido em parceria com a Universidade de Aveiro, Segurança Social, Cerciav, APPC, Universidade Técnica de Lisboa e Secretariado regional da UIPSS. Promover o teletrabalho como forma de integração das populações desfavorecidas, formar e integrar um grupo de deficientes no mercado de trabalho, de modo a que seja desenvolvido o embrião de uma rede humana suportada numa rede tecnológica de serviços são os objectivos principais do «IST». Com este propósito, foram seleccionados cinco jovens com deficiências motoras aos quais foi ministrada formação na área da Internet, construção de páginas Web, digitalização de imagens e desenho vectorial. Ter um papel activo na sociedade, enfrentar novos desafios e fazer parte do mercado de trabalho são perspectivas que agora se apresentam a estes cinco formandos. O projecto «Net-Alimentar» tem como objectivo a criação de novas formas de interacção entre as instituições de solidariedade social e o Banco Alimentar Contra a Fome/Aveiro. Apresentado por Martinho Sousa Pereira, do Banco Alimentar Contra a Fome, este projecto pretende atingir este objectivo com o recurso às tecnologias da informação e comunicação. A apresentação do projecto «MEU-Mobilidade no Espaço Urbano» esteve a cargo de Fernando Vieira, da Cerciav. Este projecto tem como metas disponibilizar aos cidadãos com necessidades especiais informação actualizada e adaptada sobre a rede de transportes públicos, uma maior autonomia e condições de segurança de circulação. A população alvo deste projecto são as pessoas com deficiência, idosos, analfabetos e pessoas que visitam a cidade. O «MEU» encontra-se a ser desenvolvido pela Cerciav, em colaboração com a Universidade de Aveiro, Câmara Municipal, Serviços Municipalizados e ECAE. A Semana da Solidariedade Social continua até sexta-feira com a realização de fóruns de discussão, a ter lugar na Montra da Cidade Digital.

FONTE: resumo baseado na notícia do Diário de Aveiro de 26 - 09 - 2000 (  ver notícia )


[ « Anterior ]