Programa Aveiro Digital www.aveiro-digital.pt 
Linha separadora
      O Programa Aveiro Digital 2003 - 2006 é co-finaciado pelo FEDER e pelo FSE através do Programa Operacional Sociedade da Informação
Linha separadora
Separador
Indicador de item de menu Apresentação
Separador
Indicador de item de menu Projectos  
Separador
Indicador de item de menu Serviços
Separador
Indicador de item de menu Documentação
Separador
Indicador de item de menu Outros Destinos
Separador
Indicador de item de menu Contactos
Separador

Um globo inclinado, com uma grelha sobreposta. Na sua superfície está recortado um buraco de fechadura

Atalhos de acesso ao menú: ALT + Letra sublinhada

English Version     Versão Portuguesa


Visitantes: 3629015

 

[ Inicio ]
Icon Noticias  Noticias :
 
Notícia com data de 10-05-2005 --- Rede Telemática prepara criação de serviços

Hospitais e centros de saúde da região de Aveiro vão ficar ligados em rede no âmbito de um projecto financiado pelo programa Aveiro Digital que deverá ser concluído até 2006

A Rede Telemática da Saúde (RTS) é formada, nesta fase inicial, pelos hospitais Conde Sucena (Águeda) e Infante D. Pedro (Aveiro) e pelos centros de saúde de Aveiro, Águeda, Oliveira do Bairro, Ílhavo, Vagos e Albergaria-A-Velha. A Universidade de Aveiro (UA) é o parceiro tecnológico.

Os promotores do novo portal na Internet, que está acessível numa versão experimental, juntaram-se recentemente para analisar o trabalho em curso e perspectivar as acções piloto a lançar.

A RTS pretende disponibilizar serviços telemáticos para, por um lado, "agilização" de certos procedimentos e, por outro, diminuir os custos de prestação de cuidados de saúde à população.

Os utentes poderão usar o site da RTS para marcar consultas ou aceder a informação médica. Para os médicos, uma das funcionalidades disponíveis será a consulta da ficha clínica do paciente.

O projecto lançado em Maio de 2004 tem uma duração de 32 meses. O orçamento atinge 878.250 euros.

De acordo com Pedro Afonso, vogal do conselho de administração do hospital de Aveiro, "a ideia base é facilitar os procedimentos e aumentar a comunicação entre o utente e o estabelecimento de saúde". As novas tecnologias podem ajudar, também, a combater a burocracia existente.

Fonte: www.noticiasdeaveiro.pt >>

[ « Anterior ]