Programa Aveiro Digital www.aveiro-digital.pt 
Linha separadora
      O Programa Aveiro Digital 2003 - 2006 é co-finaciado pelo FEDER e pelo FSE através do Programa Operacional Sociedade da Informação
Linha separadora
Separador
Indicador de item de menu Apresentação
Separador
Indicador de item de menu Projectos  
Separador
Indicador de item de menu Serviços
Separador
Indicador de item de menu Documentação
Separador
Indicador de item de menu Outros Destinos
Separador
Indicador de item de menu Contactos
Separador

Um globo inclinado, com uma grelha sobreposta. Na sua superfície está recortado um buraco de fechadura

Atalhos de acesso ao menú: ALT + Letra sublinhada

English Version     Versão Portuguesa


Visitantes: 3629032

 

[ Inicio ]
Icon Noticias  Noticias :
 
Notícia com data de 26-10-2000 --- Saudenet, Útil mas Desconhecido

Para já, são apenas três monitores e estão instalados, a título experimental, desde ontem, nas salas de espera da Urgência do Hospital Distrital de Aveiro - o projecto Saudenet, inserido no programa Aveiro Cidade-Digital, apresenta informação útil aos utentes, mas é praticamente desconhecido dos seus utilizadores, que o consideram útil, mas insuficiente. O nome e a hora dos pacientes com alta nas últimas 24 horas, quais os documentos necessários para uma maior eficácia e rapidez do atendimento ou a lista das farmácias de serviço são as informações disponibilizadas nos monitores, numa iniciativa conjunta do próprio hospital, do Ministério da Saúde, da PT Inovação e da Universidade de Aveiro.

Através dos monitores, o hospital aconselha e informa os utentes ao nível de cuidados de saúde, da mesma maneira que pretende, no futuro, garantir momentos recreativos, fundamentalmente "na Pediatria, para diversão das crianças", conforme disse ao PÚBLICO Bárbara Xavier, responsável pelo Serviço de Urgência.

"O serviço acaba de ser instalado e é provisório, não está a funcionar a cem por cento, mas futuramente os utentes vão tomar conhecimento dele no momento das inscrições para as consultas, bem como serão divulgados folhetos informativos", acrescentou.

FONTE: Público ( Patrícia Coelho Moreira )


[ « Anterior ]