Programa Aveiro Digital www.aveiro-digital.pt 
Linha separadora
      O Programa Aveiro Digital 2003 - 2006 é co-finaciado pelo FEDER e pelo FSE através do Programa Operacional Sociedade da Informação
Linha separadora
Separador
Indicador de item de menu Apresentação
Separador
Indicador de item de menu Projectos  
Separador
Indicador de item de menu Serviços
Separador
Indicador de item de menu Documentação
Separador
Indicador de item de menu Outros Destinos
Separador
Indicador de item de menu Contactos
Separador

Um globo inclinado, com uma grelha sobreposta. Na sua superfície está recortado um buraco de fechadura

Atalhos de acesso ao menú: ALT + Letra sublinhada

English Version     Versão Portuguesa


Visitantes: 3629180

 

[ Inicio ]
Icon Noticias  Noticias :
 
Notícia com data de 07-11-2001 --- Iniciação à Internet para minorias étnicas

Ensinar novas tecnologias a imigrantes

Colocar as minorias étnicas, principalmente os imigrantes de Leste, em contacto com as potencialidades da Internet, é o objectivo principal da mais recente iniciativa do projecto Cidade Digital, que decorre até 16 deste mês.

«Portugal foi, durante muitos anos, o cais de partida para muitos emigrantes. Hoje, é um cais de chegada e temos que nos adaptar a esta realidade». A ideia, lançada pelo presidente da Junta de Freguesia de S. Bernardo, Élio Maia, serve para justificar a mais recente iniciativa lançada pelo projecto Aveiro Digital, que pretende colocar as minorias étnicas, e em especial os imigrantes provenientes dos países do Leste europeu, em contacto com as potencialidades da Internet.

Denominada «Comunidades abertas à diferença», este projecto vai decorrer até ao dia 16, entre as 18.30 e as 20.30 horas, na Montra Digital e nos Centros Públicos de Serviços, localizados nas juntas de freguesia do concelho e nos bairros de Santiago, Griné e S. Jacinto. Com o auxílio de monitores, pretende-se que os destinatários desta iniciativa fiquem a saber como utilizar o processador de texto (word), enviar e receber correio electrónico (e-mail) e pesquisar na Internet informação sobre os serviços da administração pública, saúde, formação, lazer e outros do seu interesse, por forma a responder a algumas das suas necessidades e proporcionar uma melhor integração na sociedade.

Trata-se de uma iniciativa onde a participação de instituições, que trabalham de perto com estes segmentos da população, é preponderante para o seu sucesso. Uma dessas instituições, que é parceira do Aveiro Digital nesta iniciativa, é a Associação de Apoio ao Emigrante, sediada em S. Bernardo, que tem vindo a desenvolver um trabalho, de reconhecido mérito, com a comunidade de imigrantes que reside na freguesia. «O nosso privilégio é dar voz a este tipo de experiências, de modo a estimular que outros sigam o exemplo», destacou Lusitana Fonseca, coordenadora do Aveiro Digital. Exemplos já seguidos por instituições de Esgueira, Eixo e Glória.

«Há casos de imigrantes que sofrem muito por estarem distantes da sua terra», observou Élio Maia, que apontou as iniciativas promovidas pelo programa Aveiro Digital como ferramentas importantes para combater a info-exclusão e tornar o cidadão «mais formado e informado».

No âmbito desta iniciativa, estão previstos dois debates on-line, no site da Comunidade Digital, em www.aveiro-digital.pt. O primeiro realiza-se hoje, entre as 18 e as 20 horas, e vai analisar o exemplo de S. Bernardo na construção de uma comunidade inclusiva. O segundo debate vai decorrer no dia 14, no mesmo horário, e é subordinado ao tema «A aprendizagem do português como instrumento de integração da comunidade».

Fonte: Diário de Aveiro


[ « Anterior ]